A poesia não tem que ser algo chato e maçador em que muitas das vezes quando o leitor lê não consegue entender a ideia que o autor quer transmitir. Muito pelo contrário, ela pode ter uma escrita simples, com ideias bem delineadas e percetíveis e com um pouco de humor.
Neste livro encontrará as vertentes: sentimental, conselheira, pensativa e humorista. Estas encontram-se espalhadas pelos diversos poemas como por exemplo a vertente sentimental está patente no poema Pedido de Natal, a pensativa no Ano Novo, a conselheira em Cariana e a humorista no relato do que se passa nas bancadas durante um jogo de futebol O futebol.
Tire um momento para si e afaste-se de todo o stress diário e de toda a tecnologia e sinta, pense e ria principalmente porque rir faz bem à alma e descontrai.