Esta história fala-nos de um cordão umbilical entre a mãe e os filhos que nunca se corta, apenas estica.
Assim se desvendam alguns mistérios das mães. O olhar os filhos com uma centelha nos olhos, o cuidar deles - no fundo tudo o que acontece ao filho - espelha-se no coração da mãe.